Fellipe Bastos: 'O torcedor tem o direito, ele paga o ingresso, tem o direito de cobrar, eu errei'


Em São Januário, o Vasco estreou empatando no Carioca em 1 a 1 com o Boavista, mas um pênalti poderia ter selado a vitória Cruzmaltina, poderia. Adílson Batista ordenou e Fellipe Bastos foi para a cobrança da penalidade máxima, mas o volante acabou desperdiçando a chance do Vasco tomar a frente do placar. 
 
Questionado sobre as vaias que recebeu da torcida após a cobrança desperdiçada, Bastos evitou entrar em polêmica e assumiu o erro. Para o atleta, as vaias não acumulativas dos anos anteriores, no qual a torcida do Vasco já fazia fortes cobranças sobre ele. 
 
– Méritos para o goleiro. O torcedor tem o direito, ele paga o ingresso, tem o direito de cobrar, eu errei. A gente não fica feliz, a parte física a gente evoluiu bastante, mas ainda está longe de estarmos 100%. Eles estão corretos no que estão falando, mas… perdi, perdi – lamentou Bastos. 
 
Bastos que realizou uma boa pré-temporada ganhou a confiança do técnico Adilson Batista e também a vaga de titular na estreia da equipe. Agora o volante e a equipe tentará se reabilitar na quarta-feira, diante o Macaé. 
 
Fonte: Supervasco

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠