Vasco esquece arbitragem para pegar Bangu e encerrar jejum no Carioca

O Vasco dá pausa nas cobranças e reclamações por causa da arbitragem para confronto com o Bangu, pela nona rodada do Campeonato Carioca. O duelo marcado para as 16h desta quarta-feira, em Moça Bonita, ganha maior peso e importância após a contestada derrota para o Flamengo por 2 a 1. O revés no clássico deixou o Cruzmaltino sem vencer há duas rodadas e obriga a equipe a ter uma reação para manter-se próximos dos líderes do Estadual.
A necessidade de reação na tabela faz o discurso contra o erro do auxiliar Rodrigo Saraiva Castanheira – que não viu a bola entrar em cobrança de Douglas no primeiro tempo do jogo no Maracanã – ficar em segundo plano. O Vasco tem 15 pontos, quatro a menos que Fluminense e Flamengo. O Cabofriense está na terceira colocação, com 16.
O momento do clube de São Januário é de concentração para deixar para trás o empate com o Nova Iguaçu e a derrota para o Flamengo.
Para o duelo contra o Bangu, Adilson cogitar deixar o Vasco mais ofensivo. A opção do treinador é colocar Pedro Ken na vaga de Guiñazu, que tem características parecidas com as de Aranda – o paraguaio está mantido no time principal. O comandante cruzmaltino também foi obrigado a mudar, já que o zagueiro Rodrigo sentiu dores na coxa esquerda e será poupado.
O Vasco aposta na volta da boa fase, quando encaixou quatro vitórias seguidas e esteve perto de roubar a liderança do Fluminense. Para isso, o foco é manter o bom desempenho da defesa – a melhor do Carioca até o momento, com apenas seis gols sofridos. O ataque cruzmalino também vai bem e, com 17 tentos marcados, só perde nos números para Fluminense e Flamengo. Os rivais têm 18.
O Bangu, último time fora da zona de rebaixamento do Carioca, ainda busca a primeira vitória na competição. O time sofre no ataque e só marcou três gols no Estadual. No entanto, a esperança do time segue em um jogador em especial: o meia Almir, ex-Botafogo.
BANGU X VASCO
 
Data e horário: 19/02/2014 (quarta-feira), às 16h (horário de Brasília)
Local: Estádio Moça Bonita, em Bangu (RJ)
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha
Auxiliares: Luiz Claudio Regazone e Marcio Moreira de Queiroz
Transmissão de TV: PFC
 
BANGU
Rafael; Felipe Foca, Luis Felipe, Vágner Eugênio e Bruno Santos; Raphael Azevedo, Juninho, Rodrigo Dantas e Almir; Willen e Matheus Pimenta.
Técnico: Mário Marques
 
VASCO
Martín Silva; André Rocha, Luan, Rodrigo e Diego Renan; Guiñazu, Aranda e Douglas; William Barbio, Everton Costa e Edmilson.
Técnico: Adílson Baptista
 
Fonte: Uol

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠