Escola Gigante da Colina possui crianças carentes como ritmistas


Faltam quatro dias para o carnaval, e uma das escolas de samba da cidade está preocupada não só com as alegorias e fantasias, mas também em ajudar famílias que estão em alto risco social.

A escola de samba Gigante da Colina foi fundada no Setor de Indústria e Abastecimento (SIA) por 16 torcedores do Club de Ragatas Vasco da Gama, em abril de 2009. A dificuldade em arrumar componentes para desfilar no carnaval era enorme, até que um dos fundadores, Fabiano Duarte, resolveu realizar um trabalho social, e dessa forma, trazer pessoas para o projeto.

Como já havia trabalhado com crianças carentes em uma casa de assistência social, em Samambaia, Fabiano teve a ideia de levar essas crianças para o mundo do samba, criando uma oficina de percussão, onde meninos e meninas aprenderam a tocar os instrumentos musicais e passaram a compor a bateria da escola.

Hoje, Fabiano é o único dos 16 fundadores que continua com o sonho de ver a agremiação no topo do carnaval brasiliense. De acordo com ele, as escolas de samba deveriam ter mais apoio do governo. “Mesmo com o trabalho que fazemos, nós não temos sede. Precisamos de um terreno, mas é muito caro”, afirma o sambista.

Apesar das dificuldades e da falta de infraestrutura, a agremiação continua com o trabalho social. Em 2013, os diretores da Gigante da Colina chegaram a doar R$ 600,00 para cada família que tivesse uma criança desfilando na bateria da escola. Além disso, tem trabalhado para conseguir convênios com instituições de ensino, para que as crianças e os adolescentes façam cursos voltados para a inserção no mercado de trabalho.

Torcedor do Corinthians, Christian Murilo, 15, está há dois anos na bateria da escola e foi um dos garotos beneficiados com o projeto. “Eles me ajudam bastante e eu adoro fazer parte disso” conta.

Carnaval 2014

Em 2013, o Grêmio Recreativo Escola de Samba Gigante da Colina venceu a disputa entre os blocos de enredo, e este ano disputa pela primeira vez o Grupo de Acesso. Com um enredo que pretende mostrar a positividade do nosso país, a escola vai desfilar no domingo, 2, e levará 480 componentes para a avenida.

Serviço

Local : Passarela da Alegria – Estacionamento do Ginásio Nelson Nelson

Horário: A partir das 20:00hs
Sábado (dia 01/03) – Desfile dos Blocos de Enredo
Domingo e segunda-feira (02 e 03/03) – Desfile do Grupo de Acesso
Terça-feira (04/03) – Desfile do Grupo Especial 

Fonte: Guardian Notícias

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠