Com 12 gols na era Adilson, Edmílson divide méritos: 'Todos ajudam'


Edmilson vasco coletiva (Foto: Raphael Zarko)

 

Único garantido como titular no ataque, Edmílson há tempos virou ponto de referência do torcedor vascaíno. Com Adilson Batista no comando do time, a média de gols é ótima. Foram 12 em 18 jogos, desde a reta final do Brasileiro do ano passado. No treino da tarde desta segunda-feira, o jogador foi questionado sobre quem seria seu novo companheiro de ataque com a provável mudança no setor ofensivo promovida pelo treinador. Adilson escalou Reginaldo na atividade em São Januário, mas ainda não confirmou o time.

Ao seu estilo, o experiente atacante passou confiança para todos os companheiros e lembrou que o principal objetivo de todo o grupo é garantir a classificação para as semifinais. Com 21 pontos, o time de São Januário enfrenta o Resende nesta quarta-feira para ampliar a distância de cinco pontos contra o primeiro time fora do G-4 do Campeonato Carioca.

– Temos 12 pontos em disputa. Primeiro vamos nos classificar para depois pensarmos no título carioca, que não vem há muito tempo – lembrou Edmílson, sem opinar sobre o companheiro de ataque.

– Estou ali para fazer o meu melhor e cumprir minha missão, o que acho que tem acontecido, com a ajuda de todos. Com Adilson fiz 12 gols em 18 jogos, isso dá confiança cada vez mais. Ele é um cara que motiva muito todos nós. Temos ali na frente ótimas opções: Thalles, Barbio, Reginaldo, entre outros. O Adilson vai saber fazer a melhor escolha.

Fonte: GloboEsporte.com

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠