Vasco renova com dois pratas da casa e espera solução breve com Thalles

O principal alvo ainda é Thalles, mas aos poucos o Vasco tenta se proteger do efeito Marlone. O jogador, atualmente no Cruzeiro, se destacou no Brasileiro do ano passado e, com contrato frágil, atraiu grupo de investidores que o levaram para Minas Gerais. A expectativa da diretoria é fazer um longo contrato com o atacante, que ainda é reserva do Vasco, mas sempre entra com destaque. Thalles tem vínculo somente até março do ano que vem e a diretoria espera resolver a renovação contratual da sua revelação até semana que vem, no máximo. Nesta quarta-feira, o clube registrou na Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro duas renovações: o lateral-esquerdo Lorran e o meia Jhon Cley.
A dupla permanece em São Januário por períodos distintos. Enquanto o garoto de 18 anos assinou contrato longo, até 31 de dezembro de 2017, Cley firmou acordo até fim de 2015. O meia, que era um dos destaques da base da mesma geração de Marlone, ainda se recupera de cirurgia que fez no início deste ano. 
Ano passado, o Vasco tentou diminuir o prejuízo ainda antes de perder Marlone, quando chamou para conversar algumas promessas da base, entre elas os zagueiros Jomar e Luan, além do atacante Thalles. Na Ferj, o clube registrou aditivos de contrato com os três e ainda tenta assinar novos contratos, mais longos, com cada um deles. 
A diretoria confia em um acerto com Thalles, até para diminuir o assédio e se proteger melhor com multa rescisória mais alta. O empresário do jogador, Pedro Pereira, espera resolver a questão em pouco tempo.
– (A renovação) está evoluindo a cada contato. Acredito que na próxima reunião vamos definir de vez a renovação do atleta – disse o empresário à Rádio Brasil.
Fonte: Globo.com

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠