Líder do Bom Senso FC critica eleição de Eurico Miranda no Vasco: 'Retrocesso'

PAULO ANDRE BATE BOLA 2ª EDIÇÃO
 
 
Líder do Bom Senso FC, o zagueiro Paulo André criticou a eleição de Eurico Miranda para presidente do Vasco, em votação realizada na última semana. O dirigente voltará ao cargo após o fim do mandato de Roberto Dinamite, que ficou no comando da equipe carioca por seis anos.

Apesar de aprovar o processo, Paulo André lembra da gestão do dirigente como principal motivo pela não aprovação de Eurico:

“Foi democrática e ele venceu de uma maneira natural, até aí tudo bem. Não vejo a gestão dele futebolisticamente como ruim, mas a gestão que ele fez do clube não foi boa. A gente torce para que seja positivo, mas vejo como um retrocesso”, analisou o zagueiro, em entrevista exclusiva à ESPN.

O líder do movimento que quer mudar o futebol brasileiro completou:

“Eu preferia uma cara nova, um sangue novo para ser também mais uma mola propulsora nesse movimento de mudança”, finalizou.

No ano passado, durante Simpósio sobre o Bom Senso FC, Paulo André e Eurico Miranda protagonizaram bate-boca que culminou com o abandono da mesa pelo antigo e futuro presidente cruzmaltino. No episódio, o zagueiro, que atuou no Vasco no começo da carreira, disse que havia ratos no alojamento onde ele dormia. À época, o presidente do Gigante da Colina era o mesmo Eurico Miranda.

Fonte: ESPN.com.br

Notícia anteriorVasco faz contas para subir nesta terça e Joel avisa: "É hora de resolver"
Próxima NotíciaVasco vence o Vila Nova e fica a um ponto de voltar à Série A do Brasileiro