Guia da rodada final: saiba o que o Vasco precisa fazer no próximo domingo


Nos extremos da tabela, tudo decidido: Corinthians campeão, Joinville rebaixado. A primeira e a 20ª são as únicas posições que não podem mais trocar de dono no Brasileirão. Entre uma ponta e outra, ainda há muita coisa em jogo. No próximo domingo, com todas as partidas às 17h, a 38ª e derradeira rodada da Série A promete emoção de sobra para pelo menos nove times. Da luta pela última vaga na Libertadores 2016 até a briga de foice para escapar da degola, passando pela disputa financeira das premiações, saiba o que cada um precisa fazer na rodada final e quais são as chances de acordo com o site InfoBola, do matemático Tristão Garcia.

REBAIXAMENTO

Na luta para escapar da degola, a situação é bem mais complexa. O Joinville é o único que já está rebaixado. Do Coritiba (15º colocado) ao Goiás (19º), tudo pode acontecer. Saiba o que cada time precisa fazer para se salvar, e veja na tabela abaixo as chances de cada clube de acordo com os cálculos do matemático Tristão Garcia.

Coritiba (15º lugar, 43 pontos)

Basta um empate com o Vasco em casa – por isso, segundo Tristão, o risco de rebaixamento é de apenas 1%. Mesmo que perca, pode escapar com uma combinação de resultados. Para o Coxa cair, é preciso que seja derrotado e que Avaí e Figueirense vençam Corinthians e Fluminense, respectivamente. O Figueira ainda teria de tirar uma diferença de quatro gols no saldo.

Avaí (16º lugar, 41 pontos)

Se vencer o Corinthians em Itaquera, escapa. Se empatar, precisa torcer por tropeços de Figueirense e Vasco (vitória de um dos dois rebaixaria o Avaí). Se perder e um desses dois rivais empatar, ficaria igual no número de pontos, mas com uma vitória a mais no critério de desempate. O risco de uma derrota do Avaí é uma vitória do Goiás. O time esmeraldino igualaria o catarinense em pontos e vitórias, mas passaria no saldo de gols. O risco de cair, de acordo com o InfoBola, é de 66%.

Figueirense (17º lugar, 40 pontos)

Se perder ou empatar com o Fluminense em casa, estará rebaixado. Precisa vencer e torcer por um desses cenários: 1) Avaí não vencer o Corinthians; 2) Coritiba perder para o Vasco, e nesse caso seria preciso tirar uma diferença de quatro gols no saldo. O risco de rebaixamento é de 57%

Vasco (18º lugar, 40 pontos)

Se perder ou empatar com o Coritiba fora de casa, estará rebaixado para a Segunda Divisão. O Gigante da Colina precisa vencer no Couto Pereira e torcer para que aconteçam esses dois cenários: 1) Figueirense não vencer o Fluminense; 2) Avaí não vencer o Corinthians. Não é nada fácil a situação do time carioca, com risco é de 88%.

Goiás (19º lugar, 38 pontos)

A situação também é dramática, com risco de 88% de queda, apesar de ter dois pontos a menos que o Vasco – Tristão usa critérios como dificuldade do jogo, por exemplo. Se o Goiás perder ou empatar com o São Paulo em casa, estará rebaixado. Mesmo se vencer, precisa torcer por três cenários: 1) Figueirense não vencer o Fluminense; 2) Vasco não vencer o Coritiba; 3) Avaí perder para o Corinthians.

Confira os jogos da última rodada na disputa do Z-4 (todos às 17h de domingo):

– Corinthians x Avaí (Arena Corinthians)
– Figueirense x Fluminense (Orlando Scarpelli)
– Coritiba x Vasco (Couto Pereira)
– Goiás x São Paulo (Serra Dourada)

Fonte: GloboEsporte.com

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠