Após rebaixamento, Rafael Silva se diz envergonhado por primeiro turno


O atacante Rafael Silva deixou o vestiário, após o empate com o Coritiba, partida que fez com que o Vasco fosse rebaixado à Série B, muito abatido. O jogador afirmou que se sente envergonhado pela atuação que o time de São Januário teve na primeira metade do Brasileiro, quando conquistou apenas 13 pontos e ficou distante de sair da zona de rebaixamento, mas ressaltou os pontos conquistados na reta final.

– Uma situação complicada, difícil. Ficamos muito tristes, mas saímos de cabeça erguida. No segundo turno, a torcida nos apoiou o tempo todo, nós demos o máximo. Realmente, foi uma vergonha o primeiro turno que fizemos. Eu me sinto envergonhado. O segundo turno foi digno de Vasco, mas isso não muda nada – afirmou.

Este pode ter sido o jogo de despedida de Rafael Silva pelo Vasco, jogador que foi o autor de dois gols sobre o Botafogo nos jogos finais do Campeonato Carioca e também acabou sendo o carrasco do Flamengo nas oitavas da Copa do Brasil. Por esse motivo, chegou a ser considerado talismã na Colina. Ele acertou com o clube de São Januário ainda no primeiro semestre de 2014, após ser campeão paulista pelo Ituano, e o contrato termina ao fim deste ano.

Fonte: LANCENET!

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠