Vasco perde para o Atlético-MG e se despede do Campeonato Sub-20

Campeão no sub-17, Douglas Luiz foi titular contra o Galo- Fotos: Carlos Gregório Jr-Vasco.com.br

Acabou na tarde desta segunda-feira (14/12) a participação cruzmaltina no Campeonato Sub-20. Pela última rodada da fase de grupos, o Vasco da Gama enfrentou o Atlético Mineiro em Porto Alegre (RS). Para conquistar a classificação para as quartas de final, o Gigante da Colina precisava vencer o Galo e torcer por um tropeço do Internacional, que enfrentaria quase no mesmo horário o Palmeiras.

Um dos resultados que interessavam ao clube de São Januário acabou acontecendo. Na Morada dos Quero-Queros, o Palmeiras confirmou a boa fase e venceu o Colorado por 2 a 1, alcançando assim sua terceira vitória consecutiva no torneio. No Campo da PUCRS, entretanto, o Almirante até saiu na frente, com Hugo Borges, mas não segurar o resultado e acabou sendo superado por 2 a 1, despedindo-se assim do torneio nacional.

O JOGO

Necessitando da vitória para se manter com chances de classificação, o Vasco se lançou ao ataque nos primeiros minutos e não demorou muito para abrir ao placar. Aos cinco minutos, Matheus Índio deu um passe açucarado para Renato Kayzer e o viu deixar Hugo Borges em boas condições dentro da grande área. Sem marcação, o artilheiro do último Campeonato Carioca sub-17 empurrou a bola para o fundo das redes.

image

O Atlético buscou reagir logo na sequência. O clube mineiro, entretanto, parou em boas defesas do goleiro Matheus Cabral. De tanto tentar, o Galo acabou sendo premiado. Aos 17 minutos, Matheus Peixe afastou cruzamento oriundo do setor direito, mas no rebote Matheus Roldan acertou um bonito chute com a perna direita e empatou a partida. O Vasco não se abalou, muito pelo contrário, seguiu levando perigo.

Matheus Índio, Matheus Peixe e Bruno Cosendey, que chegou a ter um gol anulado, tentaram, mas não conseguiram recolocar o cruzmaltino em vantagem. O mesmo não se pode falar do Atlético, que passou à frente do marcador aos 24 minutos, outra vez com Matheus Roldan. Ainda no primeiro tempo, após o gol mineiro, o Vasco desperdiçou três boas chances, todas elas com meio-campista Eduardo Melo.

 

image

Na etapa final, o Gigante da Colina teve mais posse de bola e se fez mais presente no campo de ataque. A superioridade, porém, não foi traduzida em oportunidades de gol. Nas poucas vezes que finalizou na direção da meta, a equipe de São Januário parou no goleiro Cleiton. O arqueiro cruzmaltino, Matheus Cabral, também trabalhou bem quando foi exigido pelo ataque rival.

Escalação do Vasco: Matheus Cabral, Matheus Peixe (Arthur Andrade), Lucas Barboza, Daniel Gonçalves e Alan Cardoso (Raniel); Iago Índio (João Victor), Douglas Luiz, Bruno Cosendey (Dudu Feitoza) e Matheus Índio; Renato Kayzer (Eduardo Melo) e Hugo Borges. Treinador: Rodney Gonçalves.

 

image

Fonte: Site Oficial do Vasco

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠