Guardiola quer comandar o Brasil na Copa de 2022, diz imprensa inglesa


Se tudo correr como planejado na carreira de Pep Guardiola, o técnico catalão treinará o Brasil na Copa do Mundo de 2022, no Catar. De acordo com o jornalista inglês Graham Hunter, citado pela BBC, o treinador tem as diretrizes traçadas para os próximos anos: após deixar o Bayern de Munique, irá trabalhar no Manchester United. Depois, gostaria de assumir a seleção brasileira.

– Se as coisas saírem do jeito que ele quer, seu desejo é experimentar a vida no Manchester United por uma variedade de razões. Depois disso, em seu grande plano, não é algo que se não acontecer ele ficará magoado, mas seu projeto inclui trabalhar dois, três anos no Manchester United, e depois levar o Brasil para a Copa no Catar. Estes são os próximos estágios de sua carreira ideal  – explicou Hunter à BBC.

O jornalista, que vive na Espanha e é autor de livros sobre o Barcelona e o futebol espanhol, conversou com pessoas próximas a Guardiola. Uma das razões do desejo de Pep é o fato de quase ter atuado pelo United no fim da carreira.

Guardiola deve anunciar na próxima semana sua decisão sobre ficar ou não no Bayern. Entretanto, a imprensa europeia informou que o treinador já comunicou ao clube que não irá renovar seu contrato, que termina em junho de 2016.

As especulações de Guardiola no Brasil são antigas. Em julho, em entrevista à ESPN Brasil, o lateral Daniel Alves revelou o desejo do catalão em treinar a Seleção em 2012. Autor de um livro sobre Pep, o escritor Marti Perarnau confirmou o interesse do treinador, mas disse que não houve contato da CBF.

Fonte: GloboEsporte.com

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠