Eurico se afastará para cirurgia nos EUA e Silvio Godoi assumirá presidência, afirma colunista


O presidente do Vasco, Eurico Miranda, deverá oficializar na reunião do Conselho Deliberativo desta terça-feira seu pedido de licença por duas semanas. O dirigente tem viagem marcada para os Estados Unidos no dia 4 de janeiro, para nova cirurgia no tratamento de um câncer de próstata, e oficializará sua licença na última reunião com conselheiros em 2015. Como o primeiro vice-presidente Fernando Horta está às voltas com os preparativos do carnaval da Unidos da Tijuca, a presidência do clube ficará entregue ao segundo vice, Sílvio Godói — homem de extrema confiança do cartola vascaíno.

REBELDE

A cirurgia, referendada por um especialista norte-americano há alguns meses, já deveria ter sido feita. No entanto, contrariando médicos e familiares, Eurico protelou a realização. Comenta-se em São Januário que a decisão se deu dois motivos: o primeiro, por conta da situação delicada em que o time se encontrava no Brasileiro, necessitando de ações emergenciais de ordem político-financeira; depois, por manobra de política interna, evitando que o primeiro vice ocupasse o cargo. Ao deixar para o início de 2016, Eurico sabia que Horta estaria às voltas com o carnaval da escola que preside, e Godói ficaria na cadeira.

VOLTA

O desligamento de Eurico no dia 4 de janeiro marca o retorno do “licenciado” vice-presidente de futebol José Luís Moreira ao comando da pasta, no dia 5. Afastado por supostas divergências pessoais com o presidente, dentre as quais a demissão do gerente Paulo Angioni, o “Zé do Táxi” reassume e acompanha o time na pré-temporada em Pinheiral.

Fonte: Coluna Futebol, Coisa & Tal – Extra Online

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠