Sem rumo em meio à saída do Vasco, Rafael Silva vira opção no Botafogo

Uma das novelas mais longas da atual janela de transferência do futebol brasileiro é a de Rafael Silva. Desde o fim de outubro, o atacante, que tem mais três dias de contrato com o Vasco, foi cogitado para jogar fora do país. Ásia e México já apareceram como prováveis destinos, e agora uma nova opção surgiu sem que ele precise sair do Brasil, ou mesmo do Rio de Janeiro: o Botafogo, vítima do jogador nas finais do Campeonato Carioca. Seu empresário, Matheus Costa, admitiu estar conversando com grandes clubes do país, mas negou que um dos interessados seja o time de General Severiano. Porém, segundo o GloboEsporte.com apurou, pessoas ligadas ao Alvinegro chegaram a procurar o atleta para primeiros contatos, ainda que embrionários.

Artilheiro do Vasco na temporada com 10 gols, Rafael Silva terminou o ano valorizado. Um dos motivos da indefinição sobre seu futuro se deve ao rodízio de empresários. Desde que chegou a São Januário, em abril de 2014, já trocou três vezes de agente. Foi representado por Ivan Rocha em seu início no clube, depois passou por Marcelo Lipatin; na reta final do Campeonato Brasileiro ficou aos cuidados de Marcio Bittencourt, quem estava negociando nos países asiáticos, e atualmente está com Matheus Costa, responsável por apresentar sondagens do futebol mexicano. A pessoas próximas, o jogador manifestou recentemente o desejo de sair de novo do Brasil – em 2012 defendeu o Gil Vicente, da Segundona portuguesa -, mas uma boa proposta pode mudar os planos. Nem mesmo uma renovação com o Cruz-Maltino está totalmente descartada, apesar de as chances serem consideradas muito remotas.

Em processo de reformulação para 2016, o Botafogo perdeu seis titulares da campanha do título da Série B e remonta o time aos poucos. O ataque é um dos setores carentes após a saída de Navarro. Neilton renovou contrato, o jovem Luís Henrique, de 17 anos, segue como opção, e Henrique Almeida retorna após excelente passagem pelo Coritiba, mas o clube não descarta negociá-lo. Curiosamente, Rafael Silva foi o algoz alvinegro com gols nos dois jogos das finais do estadual, quebrando um jejum de 12 anos sem títulos do Vasco.

Fonte: Globo.com

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠