Futuro dirigente do Vasco, Alexandre Pássaro fez contato com Vanderlei Luxemburgo

O Vasco fez contato oficial nesta quinta-feira e abriu negociação para tentar contratar Vanderlei Luxemburgo. A conversa ocorreu após o nome do treinador ganhar força em São Januário depois do desacerto com Zé Ricardo.

Quem fez o contato com Luxa foi Alexandre Pássaro, profissional acertado para o futebol do Vasco e que recentemente se desligou do São Paulo. Há otimismo no Vasco para que o desfecho da tratativa ocorra rápido, inclusive com a expectativa de sucesso até sexta-feira.

O nome de Luxemburgo virou consenso entre a atual direção vascaína, comandada pelo presidente Alexandre Campello, e a futura, do presidente eleito Jorge Salgado – mesmo que Campello não tenha digerido bem a forma como o treinador deixou o clube ao final de 2019. Os dois lados entendem haver harmonia nas tratativas de reformulação do futebol, que contaram ainda com as demissões do treinador Ricardo Sá Pinto e do diretor executivo André Mazzuco.

Diferentemente de muitos profissionais que deixaram a Colina sem receber, Vanderlei Luxemburgo não processou o Vasco pelos atrasos. Foi para o Palmeiras com os salários de setembro, outubro, novembro e dezembro em aberto, além do 13º e do FGTS.

Num acordo costurado por seu empresário, Márcio Carmo, Luxa entrou num pool de credores, grupo que recebe pequenos percentuais de recursos que entram no clube. O débito do Vasco com Vanderlei é superior a R$ 1 milhão.

Carinho da torcida não falta. Na última terça-feira, quando postou vídeo comemorando a vitória sobre a Covid-19, afirmou que àquela altura ainda não tinha recebido convite do Vasco. Tal declaração foi seguida de uma chuva de pedidos dos vascaínos.

Fonte: ge

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠