Humorista Fábio Porchat diz que seu aparelho móvel tem o símbolo do Vasco

Fábio Porchat decidiu contar dez curiosidades sobre a sua vida pessoal em seu Instagram e acabou revelando que, quando era criança, era quase surdo, tinha pouca audição nos dois ouvidos.

“Eu já operei. Quando era pequenininho era surdinho. Tinha quarenta por cento de audição em um ouvido e vinte no outro, só. Minha mãe descobriu isso porque eu via tv muito perto e muito alto, e sempre falava: ‘Que?’, ‘que?’. Ela pensou que eu não estava ouvindo direito. Eu operei, fiquei com dreno na orelha, e não podia nem ir na piscina”, contou ele, revelando outra curiosidade: “Eu não mergulho de cabeça na piscina porque entra água no meu ouvido. Eu odeio quando entra água no ouvido, tenho esse trauminha. Sempre que mergulho, saio balançando a cabeça muito rápido”.

O apresentador também contou que além da operação dos ouvidos, teve que fazer outra cirurgia na infância. Aos 3 anos de idade, tirou a adenoide [conjuntos de tecido do sistema imune na região da garganta]. “Você tem a sua? Parabéns, eu não”, disse, bem-humorado.

Além das operações, Fábio contou que usa até hoje aparelho móvel nos dentes – e que o objeto, inclusive, tem o símbolo do Vasco, seu time do coração. Ele também revelou que já retirou os quatro sisos.

Pedro x Fábio
O apresentador relatou um caso inusitado em sua casa. “Era para eu me chamar Pedro. Minha mãe queria que eu me chamasse Pedro. Combinou com meu pai, mas ele foi registrar no cartório. Meu pai se chama Fábio e me registrou como Fábio. Legal, né? Bacana. Os tempos mudaram, ainda bem”.

Gastronomia inusitada
Outra curiosidade contada por Fábio é que ele comeu ovo podre de pata no Nepal. “Eles pegam, enterram, ele fica marrom. E você come. Era gostoso. A gema fica escura… parece nojento. E era!”, disse, bem-humorado.

Para finalizar, o apresentador ainda contou que namorou uma garota que via espíritos.

Fonte: Revista Quem – Globo.com

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠