E-Sports: Confira o resumo do ano do Vasco; Daniel Oliveira deixa o comando da modalidade

O ano de 2021 do Vasco eSports foi bem interessante e de sucesso. Depois do anúncio da parceria com a Black Dragons, o Cruzmaltino ampliou o leque de equipes ao compartilhar a gestão com a experiente organização de jogos eletrônicos e anunciou as seguintes modalidades para o ano: PES, Free Fire e League of Legends: Wild Rift e Rainbow Six.

E o ano “e-vascaíno” foi recheado de conquistas com destaque para o PES e Free Fire.

Vasco no Pro Evolution Soccer

No PES 2021 nossa equipe de X-3, com Allan Alves, Fabricio Paes e Gabriel Franja, fez bonito conquistando o Campeonato Brasileiro da modalidade e também fizeram a final do eGol Pro, campeonato organizado pela Konami em parceria com o Grupo Globo, ficando na segunda colocação.

Vasco no Free Fire

Anunciamos nossa entrada na Série B da LBFF, com uma equipe formada por bons atletas do cenário de FF. Durante o campeonato, a equipe vascaína formada por Lenno, Chucky, Hender e Easy, conseguiu alcançar alguns marcos históricos, como: Hender foi o MVP com 145 abates em 75 quedas e foi o primeiro jogador a atingir a marca de 100 abates na LBFF-B. Além dele, Easy chegou ao top 3 MVP, com 114 abates. Números esses que resultaram no título da Liga Brasileira de Free Fire Série B de 2021 e no acesso para a divisão de elite do Free Fire nacional.

Este ano também tivemos nossa primeira peneira na busca por novos atletas e a line campeã, hoje, faz parte da nossa equipe no time Academy.

Vasco no Wild Rift

Como todo início de trabalho tem a sua fase de adaptação e experiências, no League of Legends: Wild Rift temos na conta um Elite Wild Rift, uma Mitos Black Cup e uma GhostWR.

Para 2022 montamos um time fortíssimo, com todos os atletas no top30 server da última temporada.

Vasco no Rainbow Six

Assim como no Wild Rift, tivemos um ano bem proveitoso no aspecto de sentir a temperatura do cenário e entender os possíveis caminhos para o sucesso da modalidade.

Mudanças no comando do Vasco eSports para 2022.

Após um brilhante ano, Daniel Oliveira deixa o comando do projeto, por motivos profissionais, e fala com o site oficial.

“É uma satisfação, uma alegria que não cabe no peito, ter sido responsável por ter dado esse kick off tão importante e inserido meu time de coração nessa modalidade esportiva moderna e que vem crescendo exponencialmente. Quando fui convidado pelo Vitor (VP de Marketing e Novos Negócios) para desenvolver esse trabalho, o maior desafio foi fazer a modelagem do negócio. Em seguida, foi escolher o parceiro ideal. E nessa eu tenho certeza que não poderíamos estar em melhor companhia. Todo o apoio, toda a consultoria, toda a inteligência de mercado da Black Dragons Esports e toda a parceria deles foi sem dúvidas um diferencial muito forte. Eles nos apoiaram com todas as informações que precisávamos para decidirmos em quais modalidades entraríamos. E optamos por darmos preferência às modalidades Mobile, por serem mais populares e atingirem uma camada mais humilde da população, muito por conta da nossa vocação social enquanto instituição. E graças a Deus fomos muito felizes nessa jornada até aqui. Melhoramos a vida de pessoas, acumulamos diversos títulos em menos de 10 meses de trabalho e isso tudo sem gastar um centavo do Clube.

Encerro minha participação por motivos profissionais mas com muito orgulho. E tenho certeza que o time que dará sequência ao trabalho trará ainda mais alegrias para a nossa torcida. #GoVasco.”

Quem assumirá a missão de seguir desenvolvendo os eSports no clube será Guilherme Neto, responsável pela área digital e que já estava inserido no processo do dia a dia da área.

Fonte: Site oficial do Vasco

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠