CBF adia início do Brasileiro Sub-20 Masculino e do Brasileiro Feminino A2

A CBF decidiu alterar a fórmula do Brasileiro sub-20 masculino. Depois de quase um mês de atraso do início da competição – a primeira rodada estava prevista para 24 de abril e já estaríamos na quarta rodada do torneio -, a nova diretoria do presidente Ednaldo Rodrigues criou duas chaves e tem nova previsão de início: 29 de maio.

Com a justificativa de revisão de custos anteriormente orçados, de período de realização, de sistema de disputa e até de critério de participação, a CBF adiou o início de quatro competições previstas nos calendários de base e do futebol feminino. Como informaram nesta quinta-feira os sites do portal “Uol” e do jornal “O Globo”.

A CBF enviou circular aos clubes explicando que as competições passam por “análise técnica e revisão orçamentária”. O Brasileiro sub-23, que tem 16 clubes, está, inclusive, ameaçado de não ser realizado. O ge procurou a CBF, mas ainda não obteve retorno. A matéria será atualizada se houver.

No caso do Brasileiro masculino sub-20, a decisão foi por tentativa de regionalização da competição. Anteriormente, eram nove rodadas com todos contra todos.

Numa chave estarão 10 times, que são os seguintes:

• cinco clubes de São Paulo, que são Corinthians, São Paulo, Santos, Palmeiras e Bragantino
• dois do Rio Grande do Sul: Grêmio e Inter
• um do Paraná (Athletico)
• um de Santa Catarina (Chapecoense)
• um de Goiás (Atlético-GO)

Do outro lado estão os seguinte clubes:

• os quatro do Rio (Botafogo, Flamengo, Fluminense e Vasco)
• três de Minas Gerais (América-MG, Atlético-MG e Cruzeiro)
• três da região Nordeste (dois cearenses, com Fortaleza e Ceará, e o Bahia, da Bahia).

Serão nove jogos para cada time até a classificação de quatro de cada chave. Eles vão se enfrentar em sistema de mata-mata com confrontos do primeiro de um grupo contra o quarto do outro, segundo de um lado, terceiro do outro, em cruzamento de chaves.

Competições femininas

Duas competições de futebol feminino, o Brasileiro A2 e A3 estavam previstos para começarem neste sábado, mas não têm data prevista para serem iniciados. No caso do Brasileiro sub-23 masculino, ainda não há posição da CBF sobre a competição.

Nos bastidores, os clubes ainda têm esperança da realização do torneio, mas já lamentam possível cancelamento da competição.

O Departamento de Competições da CBF passa por mudanças. O presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, demitiu Manoel Flores e contratou Julio Avelar para chefiar o departamento. Também foram desligados outros funcionários de Competições

Estão inscritos na competição de aspirantes os seguintes clubes:

• Grêmio
• Brasil de Pelotas
• Juventude
• Criciúma
• Paraná
• Bragantino
• Ponte Preta
• Botafogo
• Fluminense
• Vila Nova
• Paysandu
• CSA
• Náutico
• Sport
• Fortaleza
• Cuiaba

Fonte: ge