Sérgio Frias fala sobre o momento do Vasco e critica Julio Brant

Sérgio Frias @SergioEduFrias
Que a direção do Vasco não cumpre suas obrigações nós já sabemos, mas largar o futebol como fizeram para forçar a venda do clube, vendo nas derrotas uma boa propaganda para ela e os interesses inconfessáveis por trás dela já é muita covardia contra os vascaínos.

JB fez um malabarismo cogitabundo para confessar que o contrato com os setes é lesivo ao Vasco no futuro. Sua saída foi dizer que um Vasco grande resolve isso. Quando achou que já era presidente, afirmou não terem nada, mas que a solução seria o Vasco ter 250 mil sócios.

O Vasco agora foi rebaixado no futebol feminino. A gestão não está nem aí. O desespero é pela venda, buscando na Justiça que ela seja feita sem os donos do clube (segundo eles próprios em seus discursos pusilânimes) lerem o contrato. A chapa bicolor é inominável.

Fonte: Twitter Sérgio Frias