Vasco vai apurar ação do Bepe após agressão a torcedor em São Januário; PM divulga nota

O empate em 0 a 0 entra Vasco e Chapecoense, no último domingo, pela Série B, ficou marcado por cenas lamentáveis fora de campo. Durante o segundo tempo da partida em São Januário, policiais militares agrediram torcedores, que revidaram arremessando copos e latas de cerveja. Ao menos um vascaíno ficou gravemente ferido e, ensanguentado, precisou deixar a arquibancada. Agora, a diretoria do Vasco vai apurar o que aconteceu no estádio e analisar as medidas que podem ser tomadas.

O Esporte News Mundo apurou que o Vasco vai analisar as imagens internas de São Januário e os vídeos que têm circulado nas redes sociais do momento em que policiais militarem agiram com truculência contra os torcedores. A diretoria cruz-maltino também vai se reunir com os responsáveis pela segurança do estádio.

Em nota enviada após questionamento do ENM, a Polícia Militar afirmou que “policiais militares do BEPE auxiliaram funcionários da segurança privada do Estádio de São Januário, após um homem tentar invadir o campo”. Ainda segundo a PM, este torcedor, que não foi identificado, teria agredido policiais. Tanto o vascaíno como os PMs feridos foram atendidos no posto médico do estádio e, depois, o homem foi conduzido para o Juizado do Torcedor.

Com o jogo já encerrado, policiais militares voltaram as arquibancadas e, ao se direcionarem com armas em punho a um grupo de torcedores, causaram uma correria nas arquibancadas. Neste momento, mais um torcedor foi retirado do estádio. Em nota, no entanto, a PM citou apenas que um vascaíno foi conduzido ao Juizado do Torcedor.

Não é a primeira vez nos últimos dias que a atuação do BEPE é questionada nas arquibancadas do Rio de Janeiro. Na última semana, na partida entre Fluminense e Red Bull Bragantino, no Raulino de Oliveira, policiais atiraram balas de borracha e jogaram spray de pimenta em torcedores do Tricolor. A diretoria do clube das Laranjeiras também abriu uma investigação sobre o caso e o BEPE instaurou uma apuração interna para investigar a conduta dos agentes.

CONFIRA A NOTA DA POLÍCIA MILITAR

A Assessoria de Imprensa da Secretaria de Estado de Polícia Militar informa que, no domingo (31/7), policiais militares do BEPE auxiliaram funcionários da segurança privada do Estádio de São Januário, após um homem tentar invadir o campo. A equipe tentou conter o indivíduo, que agrediu dois policiais. Os militares precisaram utilizar dos meios necessários para conter o homem que foi encaminhado juntamente com os policiais feridos para o posto médico do Estádio. Posteriormente, o mesmo foi conduzido para o Juizado do Torcedor.

Fonte: Esporte News Mundo