Conselho Deliberativo se reúne nesta 2ª para referendar escolhidos para os conselhos da SAF

O presidente do Conselho Deliberativo do Vasco, Carlos Fonseca, convocou para a próxima segunda-feira (15), às 20h, uma Sessão Extraordinária para referendar as indicações dos membros dos Conselhos de Administração e Fiscal da Vasco da Gama SAF. A votação será realizada de forma híbrida, com a parte presencial na Sede Náutica da Lagoa.

Essa é a primeira de três etapa para a constituição da Vasco da Gama SAF. Inicialmente a empresa terá o capital 100% do clube, que indicará três membros para o Conselho de Administração, o presidente Jorge Salgado, e o 1º e 2º vice-presidente geral, Carlos Osório e Roberto Duque Estrada. Outro seis serão nomeados para o Conselho Fiscal. Os efetivos serão Ricardo Lopes Cardoso, Fernanda Correa Bilbao e Arthur Troula Stüssi Neves, enquanto Augusto Espanhol de Andrade, Marcelo da Costa Lima e Karine da Silva Lammel, serão suplentes.

Todos os membros permanecerão no exercício até a conclusão da terceira etapa, que é a transferência de 70% das ações para a 777 Partners. Antes disso, na segunda etapa, a associação irá repassar à Vasco SAF, os ativos relacionados ao futebol.

Concluída a terceira etapa, os Conselhos de Administração e Fiscal sofrerão alterações. O primeiro terá sete membros, sendo dois indicados pela associação e cinco pela 777 Partners. Já no Fiscal, que terá três membros, o clube terá direito a uma cadeira no quadro efetivo e um suplente. O Conselho Deliberativo também irá tratar sobre essas indicações na reunião desta segunda-feira.

De acordo com o estatuto do clube recém-reformado, o presidente da Diretoria Administrativa, no caso Jorge Salgado, irá integrar o Conselho de Administração da Vasco SAF. A segunda vaga deve ser ocupada por Roberto Duque Estrada, que liderou a Comissão Especial da SAF, que analisou os contratos entre Vasco e 777 Partners.

O Vasco espera que todos esses trâmites sejam concluídos até o dia 5 de setembro, tendo em vista que o empréstimo-ponte de R$ 70 milhões, feito pela 777 Partners, no início de março, vence no dia 8 de setembro.

Fonte: O Dia