Vasco tem 56% de chance de de subir para a Série A, aponta matemático

O Vasco, que chegou a ter nove pontos de vantagem para o quinto colocado nesta Série B, depois da derrota por 2 a 1 para o Bahia neste domingo, viu essa distância cair para apenas quatro pontos. O time sofreu duas derrotas consecutivas (havia perdido para o CSA na rodada anterior) pela primeira vez na competição, mas o discurso interno é de rechaçar o abalo. Ainda tem campeonato pela frente.

A 12 jogos do fim da Série B, o Vasco encerra a 26ª rodada com 56% de chances de acesso, de acordo com o site “InfoBola”, do matemático Tristão Garcia. O cálculo leva em conta o histórico dos resultados na competição e o mando de campo dos próximos confrontos de cada clube.

Na coletiva depois da partida, o técnico Emílio Faro evitou qualquer tipo de pessimismo e voltou a dizer o que já havia falado anteriormente: que o Vasco vai garantir o acesso até o fim do campeonato, e não nas poucas rodadas seguintes.

“Não abala em nada nossa classificação as cinco derrotas seguidas fora. Vai valer para a frente. A gente vai ter o acesso para a Série A”, disse o treinador.

– Nada do que aconteceu para trás vai interferir para frente. A gente pode criar cenário caótico, de fim de mundo, de gênesis, do que quiser, só que o Vasco vai classificar dentro desses 12 jogos que temos – acrescentou ele.

O rendimento como visitante pesa contra o Vasco, que completou sete semanas sem pontuar fora de casa – a última vez foi no dia 9 de julho, quando venceu o Criciúma no Heriberto Hülse. Das próximas três rodadas, duas serão longe do Rio de Janeiro: o time enfrenta o Brusque no sábado e o Grêmio uma semana depois.

Por outro lado, o Vasco tem seis jogos em casa até o fim do campeonato, onde está invicto nesta Série B: pega Guarani, Náutico, Londrina, Novorizontino, Criciúma e Sampaio Corrêa nos seus domínios. É possível que ao menos uma dessas partidas seja transferida para o Maracanã.

Portanto, são 18 pontos para serem disputados em casa. Fazendo um exercício de imaginação: se o Vasco vence os seis jogos, vai a 60 pontos, que já foi o corte de acesso em algumas edições da Série B (2020, 2018, 2013, 2007…). A julgar pelo rendimento dos clubes situados na parte de cima da tabela, no entanto, tudo indica que 2022 terá um dos menores cortes dos últimos anos.

A delegação vascaína volta ao Rio na manhã desta segunda-feira. O próximo compromisso pela Série B é na quarta, quando a equipe recebe o Guarani em São Januário, às 19h (de Brasília).

Fonte: ge