M.Barbosa sobre venda de ingressos a organizadas: "Não vamos facilitar"


A briga envolvendo as organizadas do Vasco na partida contra o Atlético-PR ainda rende prejuízos para os torcedores. Após toda a repercussão negativa e a prisão de envolvidos, a diretoria decidiu que a partir deste ano não irá facilitar a venda de ingressos com o valor de meia entrada para os integrantes.
 
“Não vamos mais facilitar a venda de ingressos para as torcidas organizadas. Agora eles vão ter que comprar nas bilheterias como qual qualquer torcedor”, disse o vice-presidente de patrimônio, Manuel Barbosa.
 
Questionado sobre a reação dos integrantes da torcida organizada, Manuel Barbosa afirmou que os torcedores estão em uma situação delicada por causa da briga em Joinville.
 
“Não tivemos nenhum tipo de contato. Temos uma pessoa aqui no Vasco que é responsável por essa relação. E a situação atual deles também não permite que eles criem qualquer objeção”, afirmou o dirigente.
 
Porém, Manuel Barbosa revelou que irá se reunir ainda nesta quinta-feira com o presidente Roberto Dinamite para definir exatamente como vai funcionar a nova relação com a torcida organizada.
 
Além da briga contra a torcida organizada do Atlético-PR, no dia 8 de dezembro de 2013, os torcedores se envolveram em outra confusão. No dia 25 de agosto, também em partida válida pelo Campeonato Brasileiro, os integrantes da organizada protagonizaram outra briga, dessa vez com participantes do Corinthians.
 
Fonte: UOL Esporte

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠