Maior ladrão de bola, Danilo entra na briga por vaga: 'Muita personalidade'

Danilo vasco e NOva Iguacu (Foto: Marcelo Sadio / Vasco.com.br)

 

O tempo será curto para a torcida construir uma relação com Danilo. Em quatro meses o volante, já vendido pelo Vasco a um grupo de investidores, vai embora para o Braga, de Portugal. Na estreia como titular, nesse domingo, no empate em 1 a 1 Nova Iguaçu, deixou a certeza de que até lá estará na briga por uma vaga no time titular. Muita movimentação, raça na marcação e quase um gol marcado foram as senhas para chamar a atenção. O técnico Adilson Batista aprovou a participação do garoto de 17 anos e fez muitos elogios.

– É um bom menino, altamente profissional, conclui bem as jogadas. É um atleta de muita personalidade e merece estar na seleção sub-20 – afirmou o comandante.

Na partida, Danilo também expos defeitos, como os seis passes errados – talvez efeito do nervosismo. Na segunda etapa, caiu de rendimento e foi mais discreto. Em compensação, garantiu o título de maior ladrão de bolas do Vasco, com quatro acertos.

No dia 28 de fevereiro, ele atinge a maioridade e terá a chance, por exemplo, de tirar sua carteira de habilitação. Antes disso, se apresenta novamente à equipe de Alexandre Gallo para um amistoso sub-20 e desfalca o Vasco contra o Flamengo, domingo, no Maracanã.

Adilson já deixou claro que não abrirá mão de utilizar o garoto, independentemente de uma possível valorização que não poderá ser aproveitada. O treinador tem notado que Danilo está com a cabeça boa e não precisou conversar com ele. A negociação pelo volante rendeu aos cofres cerca de R$ 8 milhões (60% dos direitos econômicos) no segundo semestre de 2013, quantia que foi essencial para aliviar a crise financeira no Cruz-Maltino naquele momento.

Caso semelhante ao de Danilo é o de Philippe Coutinho, que atuou por mais de um ano antes de poder ser integrado ao elenco do Inter de Milão, que o comprou por R$ 10 milhões. Na época de dar adeus, a diretoria tentou, sem sucesso, convencer os italianos a liberá-lo por mais tempo.

No grupo, há outros sete atletas formados na base do clube carioca. O único titular, por enquanto, é o zagueiro Luan, embora Henrique e Thalles estejam sendo bastante aproveitados.

Fonte: GloboEsporte.com

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠