Eurico Miranda apoia Rubens Lopes e ironiza críticas dos clubes

 

Sem o apoio de três dos quatro grandes clubes cariocas, Flamengo, Fluminense e Vasco, o atual comandante de Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj), Rubens Lopes se reelegerá presidente para o próximo triênio 2015-2018, já que disputa o cargo sem concorrentes.

O ex-presidente do Vasco da Gama e possível candidato à reeleição este ano, Eurico Miranda chegou à sede da entidade, no bairro do Maracanã, por volta de 12h. Embora não vote no pleito, o dirigente cruzmaltino fez questão de comparecer e dar seu apoio a Rubinho, já que atua nos bastidores como consultor da entidade.

“O patinho feio para todo mundo é sempre o Campeonato Estadual. Esse filme eu já vi de se insurgirem contra a Federação. Isso sempre se repete e eu já vi várias vezes” declarou Eurico.

Já o presidente do Botafogo, Maurício Assumpção, único presidente dos grandes a não aderir ao movimento contrário à reeleição de Lopes, preferiu não conversar com a imprensa antes das eleições. O dirigente afirmou que só conversará mais tarde.

Enquanto Maurício Assumpção e Eurico Miranda subiram direto, os representantes dos clubes menores e das ligas precisaram aguardar no saguão da entidade, junto com a imprensa, para votar.

A grande expectativa era para saber se os presidentes Eduardo Bandeira de Mello (Flamengo), Peter Siemsen (Fluminense) e Roberto Dinamite (Vasco) compareceriam ao pleito ao menos para anular seus votos, já que em nota oficial emitida nesta segunda-feira revelaram não apoiar à reeleição de Rubens Lopes. Mas Vasco e Flamengo apenas enviaram representantes: Bernardo Accioly, diretor jurídico rubro-negro, e Fernando Lamar, advogado cruzmaltino. Os dois chegaram juntos.

Fonte: Terra

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠