Rubens Lopes diz que Dinamite assinou documento de apoio e chama nota dos clubes de 'leviana e mentirosa'

 
 
O presidente da Federação de Futebol do Rio de Janeiro (FERJ), Rubens Lopes, participou do Giro Esportivo desta segunda-feira (10/03), para comentar o manifesto divulgado por Flamengo, Vasco e Fluminense, em oposição a candidatura de Rubinho para os próximos três anos. Os três clubes criticam o formato e o número de clubes que disputam a competição. Segundo a nota oficial em conjunto, as equipes não vão votar na chapa única de Rubens Lopes. O presidente se defendeu e falou que os quatro grandes votaram a favor da fórmula de disputa no arbitral no inicio do ano.

“Em princípio a reação foi de perplexidade com o Clube de Regatas Vasco da Gama, já que o presidente do clube assinou um documento de apoio a minha chapa. Nós temos que ter um determinado número de clubes assinando a chapa e o Roberto assinou. Eu não consigo entender essa posição dos demais clubes, eles são contrários a permanência do presidente, mas o presidente apenas cumpre a vontade dos clubes. Ninguém está satisfeito com o resultado que o campeonato está apresentando, agora não é o presidente que faz regulamento. O regulamento foi aprovado por unanimidade, os clubes pediram para que o campeonato tivesse essa formula. A Federação não negocia com a televisão, quem negocia com a televisão são os clubes. Eles (os clubes) que aprovaram esse contrato que vai até 2016 e essa prorrogação de contrato até 2016 foi aprovada pelos clubes por unanimidade também. Essa nota que foi divulgada é uma nota leviana e mentirosa, porque os clubes decidiram esse formato que está aí” – disparou o mandatário da Federação de Futebol do Rio.

Fonte: Super Rádio Tupi

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠