PC Vasconcellos pede união de clubes e Ferj: “Há uma soberba reinante”

Campeão carioca em 2015, Vasco foi rebaixado para Série B (Foto: Foto: GERALDO BUBNIAK/AGB/ESTADÃO CONTEÚDO)

O rebaixamento do Vasco e as campanhas ruins de Flamengo e Fluminense, ambos perderam 19 vezes em 38 rodadas no Brasileirão, são retratos do pior desempenho das equipes do Rio de Janeiro no formato de pontos corridos no Campeonato Brasileiro (2003-2015). No “Troca de Passe”, o comentarista PC Vasconcellos afirma que “o futebol do Rio está despedaçado” e pede união entre Fla, Flu, Botafogo, Vasco e a Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj).

– A primeira coisa que tem que acontecer é Vasco, Flamengo, Fluminense e Botafogo sentarem a mesa com a federação, que tem que perder essa soberba de: eu não falo com Flamengo e Fluminense. Ela está ali para atender os clubes. Vasco e Botafogo têm que ser fios condutores desse entendimento (…) O futebol do Rio está despedaçado. Flamengo e Fluminense se puderem não entram na sede da federação (Ferj). A federação também não desce do seu trono e diz assim: vamos conversar. Eu errei. Botafogo e Vasco não tem capacidade de tentar costurar uma união e o futebol do Rio está pagando a conta. Há uma soberba reinante, e essa soberba impede que se trate do problema.

Vasco e Botafogo são aliados da Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj), enquanto a dupla Fla-Flu e a entidade estão em conflito desde o ano passado, quando passaram a se manifestar contrariamente à política praticada em relação a preços de ingressos e gratuidades no Campeonato Carioca.

Com o empate sem gols diante do Coritiba, o Vasco terminou o Brasileirão em 18º lugar, com 41 pontos. Foram 10 vitórias, 11 empates e 17 derrotas. O Cruz-maltino acompanha Avaí, Goiás e Joinville na Série B em 2016.

Fonte: Sportv

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠