Pacotão do Vasco: lambança de Vaz, irritação de Bernardo e cotovelada


O Vasco por muito pouco não deixou Volta Redonda com a liderança do Carioca, mas o gol sofrido nos acréscimos contra o Nova Iguaçu impediu a vitória e a ponta da tabela. A partida, arrastada em boa parte por conta do calor, teve algumas cenas que chamaram a atenção. A lambança de Rafael Vaz no começo do jogo e a irritação de Bernardo com um erro de Montoya são algumas delas.
A partida ainda teve o meio-campista Pedro Ken recebendo uma cotovelada de um adversário, uma invasão de andorinhas em campo e o termômetro marcando o quanto os jogadores estavam sofrendo com o calor no estádio Raulino de Oliveira

ESSA DOEU

 

 
 
 
 
 
 
 
 
Com apenas sete minutos de jogo, Pedro Ken já ficou marcado. O volante cruz-maltino levou a pior em disputa de bola pelo alto com o atacante Sérgio Júnior e foi atingido em cheio pelo cotovelo do adversário. O jogador do Vasco sentiu muitas dores e teve de sair de campo para receber atendimento médico, disputando praticamente todo o confronto com um curativo no rosto.

POR POUCO

 

 
 
 
 
 
 
 
 
O zagueiro Rafael Vaz foi titular pela primeira vez na temporada e teve uma atuação de altos e baixos. Logo no começo do jogo, por muito pouco não comprometeu a equipe ao sair jogando errado de forma displicente. Entregou a bola nos pés de Geovani, obrigando o goleiro Martin Silva a sair de sua área. O meia do Nova Iguaçu bateu forte e já corria para o abraço, mas o zagueiro se redimiu e salvou de cabeça em cima da linha.

INVASÃO

 

 
 
 
 
 
 
 
 
Os minutos iniciais da partida foram marcados por uma verdadeira invasão de andorinhas em campo, que voavam bem rente aos jogadores e jornalistas que trabalhavam em campo. Os pássaros, antes de a bola rolar, eram os donos do gramado no Raulino de Oliveira, mas, aos poucos, foram sendo expulso pela movimentação dos jogadores. 

NA BRONCA

 

 
 
 
 
 
 
 
 
O meia-atacante Montoya teve uma atuação apagada. Aberto pela ponta esquerda, o jogador pouco foi notado em campo durante o primeiro tempo, sendo substituído no intervalo para a entrada de William Barbio. Em um ataque do Vasco, o argentino demorou a soltar a bola, tentou dar uma série de dribles na ponta e foi desarmado com certa facilidade, o que levou o meia Bernardo, livre à espera do passe na entrada da área, ao desespero.

VOLTA REDONDA 39º

 

 
 
 
 
 
 
 
 
Não está fácil para os jogadores neste começo de Campeonato Carioca. Quando a partida foi para a primeira parada técnica, aos 20 minutos do primeiro tempo, um termômetro à beira do gramado marcava 39 graus. Menos mal para o Vasco que essa foi apenas a primeira vez que o time atuou à tarde, talvez o que explique o desgaste sentido pelo calor. Nas seis rodadas iniciais, o Cruz-Maltino jogou somente à noite.
Fonte: Globo.com

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠